01 outubro 2007

Gatos

Nunca foram minhas paixões. Tivemos dois, quando ainda morava com meus pais: O Tony e o Bambi. Em épocas separadas, é lógico. Ambos tinham o mesmo comportamento. Quando bem alimentados e fortes, abandonavam minha casa e partiam para as baladas. Suminam por uma ou duas semanas e depois voltavam, estropiados, machucados e com fome. Após alguns dias de recuperação, quando sua inteligência os tornava dóceis e amigos, principalmente para quem dava comidas e leitinhos a eles, saiam de novo para as baladas. e assim, indefinidamente. Outro dia, percebemos aqui em casa algumas pegadas de gato na parede próximas a uma janela e achamos que o fdp tinha passeado em nossos domínios. Como minha casa foi arquitetada, temos dois "porões" sob as escadas dos corredores laterais, porões estes destinados à guarda de tranqueiras. Um dos dois tinha uma portinha. Para sacanear o gato, pensei: Vou fechar esta portinha, se ele estiver aí, que se dane. Fechei a portinha na segunda-feira. Os bombeiros chegaram na quinta. Lucy ouviu miados e gritos desesperados à tarde e chamou os bombeiros. Após algumas indecisões, um deles entrou e saiu com o gatinho no colo. Agora, ficou a dúvida: Quatro dias preso, será que ele fez cocô lá dentro? E xixi? Não sei. Se alguém tiver coragem, que entre lá e descubra. A verdade uma só: Detesto gatos!

13 comentários:

timtimdez disse...

Demonstração cabal de ódio aos felinos. Agora a vingança está aí, terá o porão infestado por um bom tempo. Vingança de gato é maligna.

NiceBarth disse...

Não aprovo maus tratos a animais em hipótese alguma (exceto pernilongos, moscas e baratas...). Você não vê que, antes de encontrar as pegadas você nem tinham percebido que tinha gato lá? E que o coitadinho só usava seu porão de tranqueiras só para dormir? E você não sabia que gato nenhum faz necessidades no lugar onde dorme? E que o pobrezinho foi obrigado a fazer porque estava trancado? E passando fome?
4 dias! Que maldade!
Na próxima encarnação, se isso existir, você vai ter de nascer gato e comece a torcer para ser um gato meu, pois assim vou cuidar de você com amor e carinho...

timtimdez disse...

"Você é ótima, prima"!

Shiost Aguiar disse...

Hoje uma colega de trabalho, uma criança de 24 anos foi ao médico com umas ínguas e dores de cabeça e a primeira coisa que o médco pediu foi exames de toxicoplasmose, de dois tipos. Ela tem dois gatos...

NiceBarth disse...

Eu sempre tive gatos e nunca tive toxoplamose, nem poliomielite, nem asma, nem doenças de pele, nem nada que possa ser atribuído a esses maravilhosos e macios gatinhos .
Estou vendo que o seu coraçãozinho é preto e peludo!

caos e ordem disse...

Cadê o comentário que eu coloquei aqui?
Tira essas letras complicadas que os gringos já pararam de perturbar.

Shiost Aguiar disse...

Vou tentar tirar as letras complicadas.

caos e ordem disse...

Obrigado pela atenção de retirar os complicados criptogramas. Se os gringos te amolarem pode me culpar, espero que não aconteça.

Polemikos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Polemikos disse...

Não sei o que voce poder ter contra uma gatinha destas?

http://images.jupiterimages.com/common/
detail/00/47/23214700.jpg

irmãcaçula disse...

Me perdoe, mas ler esta maldade justo no dia de S. Francisco de Assis é demais para o meu coração adorador de animais. Tudo que se faz recebe-se de alguma forma, sabia? Concordo neste caso com a Nice: seu coraçãozinho é preto! Peludo, não, porque odeia gatos! Vejo que não deve quase possuir sangue de "Silveira Mello & Vieira" nas veias! Vou deserdá-lo!
Que saudade dos nossos gatinhos "baladeiros"!

timtimdez disse...

Venho fazer coro ao protesto da "irmãcaçula". Fico imaginando como deve ser um coração preto, peludo.
Para amenizar a barra do Shiost devo dizer que há estudos comprovando que a maior parte dos seres humanos masculinos não gostam de gato. Hoje mesmo ouvi, na sala de espera de um consultório, uma senhorinha (senhora jovem) se queixando que o marido não a deixa ter gatos em casa e alega:
- Gato aqui só EU.

caos e ordem disse...

Está cumprida minha parte no pacto, depois dos últimos gatos já publiquei um textículo.
Estarei afastado dos blogs por uns 10 dias.
Vou-me embora
Rumo a Pirapora
Tomando cuidado
Pra sempre evitar
As coisas de fora.
Até minha volta.